Envelope laranja e branco Impressora laranja e branca Mapa do Site Tamanho da Fonte Ícone de + para aumentar a fonte Ícone de A para retornar à fonte padrão Ícone de + para diminuir a fonte Contraste Ícone habilitar contraste Ícone desabilitar contraste
Logo do Facebook Logo do Flickr Logo do Instagram
Logo do Conselho Regional de Psicologia

Dia Mundial da Saúde Mental é nesta sexta-feira, 10 de outubro

Postado no dia 10 de outubro de 2014, às 21:58

dia mundial da saúde mental

Nesta sexta-feira, 10 de outubro, é Dia Mundial da Saúde Mental. Embora a saúde mental seja estar bem consigo mesmo, aceitar as exigências da vida, saber lidar com emoções boas e desagradáveis, a data é também momento de reafirmar os avanços alcançados na política de saúde mental.

E de lembrar que há muitos desafios pela frente para o fortalecimento da luta antimanicomial e da atenção às pessoas que vivem em sofrimento psíquico.

Por isso, o CRP-16 ratifica sua defesa pela ampliação e consolidação da Rede de Atenção Psicossocial (Raps) e sua luta contra o modelo ‘hospitalocêntrico’ nas políticas em saúde mental.

“Já temos instrumentos da Raps que funcionam e muitos profissionais empenhados nessa causa. Mas ainda há muito para construirmos e consolidarmos a Rede. Por isso, lutamos por um mundo sem manicômios, pela garantia de direitos humanos em sua integralidade, por uma atenção básica, gratuita, de qualidade, universal e horizontal. Lutamos pela ‘desinstitucionalização’ da loucura, contra a ‘medicalização’ da vida e pelo fim da manicomialidade nos aparelhos públicos e demais espaços”, destaca a conselheira da Comissão de Saúde do CRP-16, psicóloga Bárbara Malvestio.

Ela ainda lembra que “essa luta é de todo os dias”. E não apenas desta sexta, 10 de outubro. E destaca as palavras de ordem, entoadas pelos militantes da luta antimanicomial em atos públicos, aumentando os ecos para além dos limites geográficos:

“O nosso som é o som da liberdade, e a nossa voz ecoa pela cidade, pelo País, pelo mundo inteiro”.

Os comentários não refletem a opinião do CRP-16 sobre o assunto e são de inteira responsabilidade de seu autor, que poderá responder à Justiça caso cometa injúria, calúnia, difamação ou agressão a outrem e a esta autarquia, conforme os Termos e Condições de Uso do site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *