Envelope laranja e branco Impressora laranja e branca Mapa do Site Tamanho da Fonte Ícone de + para aumentar a fonte Ícone de A para retornar à fonte padrão Ícone de + para diminuir a fonte Contraste Ícone habilitar contraste Ícone desabilitar contraste
Logo do Facebook Logo do Flickr Logo do Instagram
Logo do Conselho Regional de Psicologia

CRP-16 encaminha à Sesa/ES ofício com apontamentos para a priorização da vacinação de psicólogas/os no Estado

Postado no dia 4 de fevereiro de 2021, às 16:26

Conselho aponta a importância da vacinação de idosas/os e grupos de risco, bem como observa que trabalhadoras/es do SUAS devem ter prioridade 

Atento à organização da Campanha de Vacinação contra a covid-19 no Espírito Santo, o CRP-16 encaminhou ofício à Secretaria Estadual de Saúde do Espírito Santo (Sesa-ES) reforçando que é importante a priorização da vacinação para psicólogas e psicólogos. O Conselho tem a preocupação da cobertura da vacinação para idosas/os e grupos de risco, mas aponta a importância da imunização para todas/os as/os trabalhadoras/es dos serviços essenciais, em especial as/os do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). O CRP-16 também observa que é importante vacinar todas/os profissionais da área da saúde.

No ofício, o Conselho detalha o número de psicólogas/os inscritas/os no Regional por municípios, destacando os que têm mais de 50 profissionais. E se coloca à disposição da Sesa/ES para contribuir com a imunização da categoria profissional.

O documento foi encaminhado pelo Conselho nesta quinta-feira, 4 de fevereiro de 2021, à Sesa/ES, à Comissão Intergestores Bipartite (CIB/SUS-ES) e ao Colegiado de Secretarias Municipais de Saúde do Espirito Santo (Cosems/ES).

O ofício pode ser conferido neste link.

Resolução
A Secretaria da Saúde publicou no Diário Oficial do Estado do dia 03 de fevereiro, a resolução 11/2021, da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), relacionada à priorização de grupos dos trabalhadores da saúde capixaba para a imunização da Campanha de Vacinação contra a covid-19 no Estado.

A normativa no item 10 do seu artigo primeiro, inclui “demais trabalhadores da saúde, iniciando pelos acima de 60 anos de idade” na ordem de priorização da vacinação para profissionais da área da saúde. A resolução informa que a vacinação deverá ser iniciada pelas equipes assistenciais da saúde pública. E que o cronograma de vacinação dos trabalhadores da saúde dependerá do quantitativo de doses disponibilizadas pelo Ministério de Saúde.

Clique aqui para acessar a normativa da CIB.

Os comentários não refletem a opinião do CRP-16 sobre o assunto e são de inteira responsabilidade de seu autor, que poderá responder à Justiça caso cometa injúria, calúnia, difamação ou agressão a outrem e a esta autarquia, conforme os Termos e Condições de Uso do site.